Filho de Deus, você não é qualquer um. O Senhor Jesus está ao seu lado.

Lembro-me de épocas em que eu gostaria de ter fugido para o fim do mundo. Decepcionado com as pessoas. Cercado de inimigos. Soterrado pelas circunstâncias e pelos problemas. 

Em meu desespero, eu observava meu rosto triste diante do espelho. Eu sentia vergonha. Então, porém, precisei rir e falar à meia voz comigo mesmo, de maneira que minha esposa não pudesse ouvir: “Manfred, essa sua aparência não é a de um filho de Deus!”.


Lembrei-me das maravilhosas promessas de Deus e animadamente vesti a sua armadura (ver Efésios 6). Preciso confessar que desde esse dia eu faço muitas vezes o “controle do rosto” interior. Na verdade, eu devo isso ao meu Salvador: viver de modo digno do evangelho para o “Filho de Deus, que me amou e se entregou por mim” (Gálatas 2.20).

[...]

Lembre-se com alegria da sua elevada vocação e de sua maravilhosa posição na graça. Agradeça pelo seu tesouro em Cristo. 

Quem então ainda vai querer falar em tribulação? Quem vai querer desanimar e se esconder em um buraco? Quem vai querer jogar a toalha? Quem vai querer viver com as próprias forças? 

Chegará o dia em que você poderá tirar a armadura de Deus para então receber a eterna coroa de vencedor. Agora, porém, vamos em frente com ânimo. Você também foi enviado para vencer! 

— Manfred Paul

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que você não deixa que Deus decida com o que vai se preocupar?

O Sentido da Vida... sempre preocupou a humanidade

O PAPEL DAS ESTRELAS