✿ Registre seu email e receba as mensagens deste Devocional:

Pesquise

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Cada novo dia nos provê a oportunidade de usar a marcha à ré em nossa vida

“Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova dentro em mim um espírito inabalável” (Sl 51:10).

Com o rosto contorcido de ira, o homem de camisa vermelha empurrava e gritava junto ao ônibus, tentando afastá-lo para fora do caminho. E não era por falta de informação. O motorista havia dito cinco ou seis vezes!

– A marcha à ré não está funcionando. Não posso fazer a geringonça voltar.

Mas algumas pessoas muito importantes estavam chegando do aeroporto a fim de atravessar de balsa para a capital. O homem da camisa vermelha tinha a responsabilidade de dar-lhes a primazia.

– Seria melhor que você o fizesse retroceder! – ordenou . – Deixe-me ver se você está tentando.

Ele inclinou-se na cabina para certificar-se de que o motorista tentava, então pulou outra vez para a frente.

– Agora solte a embreagem!
O motorista encolheu os ombros e assim fez. Por pouco o homem irado não foi ao chão.

A confusão prosseguiu por mais de trinta minutos até que prevaleceu o bom senso e o ônibus avançou para a balsa.

Cada novo dia nos provê a oportunidade de usar a marcha à ré em nossa vida, uma oportunidade para:

  • Recuar o máximo possível e tomar uma nova direção.
  • Perdoar aqueles que nos feriram ou nos interpretaram mal e iniciar uma nova página em nosso relacionamento com eles.
  • Reclamar o perdão de Deus e pedir aquele coração novo que nos permita começar tudo novamente.
  • Submeter nossa vontade ao Espírito de Deus e não permitir que ela nos conduza à rebelião.
  • Promovendo os meios de nos arrependermos e começarmos de novo. Isto significa permitir que Deus nos arranque da trama emaranhada do pecado e erros.


Querido Senhor, estica os fios emaranhados onde temos trabalhado em vão, para que pela habilidade de Tuas queridas mãos alguma beleza possa restar.”

“Confiando, esperando, crendo, segurando firmemente a mão do Poder Infinito, sereis mais do que vencedores” – Testimonies, vol. 7, p. 245.


mensagem de Walter Scragg
novotempo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seu comentário sempre é bem-vindo!