Que maravilha é podermos orar onde estivermos!

O trabalho dos mineiros sempre foi perigoso. Nos tempos antigos, eles raramente passavam dos quarenta anos. Muitos se tornavam vítimas de pedras que caíam ou de silicose (doença dos pulmões), além de outros perigos. Temperaturas extremas e a umidade causavam danos aos trabalhadores.

Obviamente sabiam que sua saúde e segurança não dependiam somente deles, pois em uma mina que visitei recentemente havia uma capela subterrânea. Eles iam lá para orar antes do trabalho. E tinham razão para isso. 

O guia que estava nos mostrando o lugar não tinha explicação para aquilo, e os outros turistas consideravam a capela como uma mera relíquia do passado.  

“Como as pessoas eram retrógradas naquele tempo!” Será?

Mudança de cenário. O respeitado ministro Neemias estava envolvido em uma importante conversa com o poderoso rei da Pérsia, Artaxerxes-I. Havia questões relevantes em jogo. Uma palavra errada poderia causar conseqüências imprevisíveis. O que esse homem, em posição tão alta, fez? Ele orou (leia o capítulo 2 de Neemias).

Deus ouviu aquela curta oração. Que maravilha é podermos orar onde estivermos. Nós também precisamos de proteção e ajuda nas tarefas e decisões difíceis. E nosso grande Deus escuta as orações, seja em uma mina, no palácio dos governantes, na cozinha de uma dona-de-casa, enfim, em qualquer lugar.  
E orar não é ser retrógrado, é ser sábio!

E o rei me disse: Que me pedes agora? Então orei ao Deus dos céus (Neemias 2:4).

de "EncontreaPaz"


Nenhum comentário:

Postar um comentário

seu comentário sempre é bem-vindo!