UMA FORÇA ESPECIAL


Os jovens se cansarão e se fatigarão, e os moços certamente cairão; mas os que esperam no Senhor renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão
 (Isaías 40:30-31).

Jovens têm energia e virilidade para vencerem grandes obstáculos. Deus lhes deu tal capacidade. Mas há um limite, e quando se trata de questões espirituais, até os mais enérgicos perceberão que não possuem neles mesmos nenhuma força. Talvez consigam passar por muitos testes que os fazem superar fisicamente a maioria, porém, quando testados pela viva Palavra de Deus, tropeçam e caem, não física, mas espiritualmente.

Não importa se é jovem ou velho, existe uma força e um poder espiritual disponíveis a todos os que pela fé esperam no Senhor. Tal espera envolve uma dependência que confia no Senhor para prover a constante e necessária renovação da força. Isso é miraculoso e sobrenatural, mas real e prático.

“Subirão com asas como águias.” 

É claro que não é algo literal, no entanto muito mais precioso do que se fosse. Essas palavras falam sobre o caráter admoestado em Colossenses 3:1: “Buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus”. Cristo é o maravilhoso Objeto que atrai o coração, no qual todas as bênçãos entesouradas nEle se tornam vitais e imprescindíveis para a alma. 

Estamos buscando a graça de Deus que torna possível vivermos acima das circunstâncias?

“Caminharão, e não se fatigarão.” Portanto, nessa atitude dependente de fé, podemos cumprir a ordem de Hebreus 12:1-2: “Portanto… deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta, olhando para Jesus”. Ao invés de nos cansarmos dessa corrida, tenhamos paciência para terminá-la.

Há um segredo para não cairmos no desanimo e nem no desencorajamento: “Aquele que diz que está nele, também deve andar como ele andou” (1 João 2:6).

de Boa Semente 2012




Nenhum comentário:

Postar um comentário

seu comentário sempre é bem-vindo!